Seus gestos eram tão confusos, andava de cabeça baixa, ouvindo música pelo fone de ouvido, gostava de conversar olhando nos olhos. Seu papo era o mesmo: música, sexo e outras besteiras. Tinha senso crítico, amigo de todas as horas. Ele aceitava qualquer tipo de pessoa, defendia com unhas e dentes. Rihanna, Jessie J, Lana Del Rey, Lady Gaga e Kimbra era as suas principais cantoras, eu me lembro quanto ele falava bem delas. Tinha um humor incomparável, era bastante observador, amava dançar e cantar. Um de seus sonhos era fazer uma tatuagem no pulso com o formato de duas estrelas, ele dizia que tinha assistido a um fantástico filme chamado e a um ator tinha essa tattoo. Ah, ele era gay e amava olhar imagens de homens (principalmente os sarados). Nunca beijou ninguém, ele acreditava que o amor só acontecia uma vez na vida e as demais vezes era apenas paixão. Estaria enganado ele? Simplesmente não sei, só sei que ele sofreu demais quando a vida te mostrou o lado verdadeiro do amor. Era alucinado por imagens em preto e branco, mal eu sabia que sua vida estaria da mesma cor.

Sobre No!

18.06.2013 | 10:10am | 38 notas | reblog
photo

<>big>